Sesau alerta sobre a notificação compulsória em casos de violência (Gov/Alagoas – 07/04/2016)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

Profissionais da Atenção Básica passam por capacitação sobre como agir ao identificar algum caso de violência nas residências

Incentivar a notificação da violência e a promoção de ações voltadas para a cultura de paz é uma das iniciativas que a Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) propõe com o curso a ser ministrado no próximo dia 19 de abril. A capacitação começa às 8h, no auditório do Museu de Imagem do Som de Alagoas (Misa), em Jaraguá.

Leia também: Sesau discute fortalecimento da rede de atendimento a mulheres vítimas de violência (Traipu Notícias – 06/04/2016)

A capacitação sobre Violência e Cultura de Paz é voltada aos profissionais da Atenção Básica dos municípios alagoanos, podendo participar duas pessoas de cada cidade. Segundo informou a técnica responsável pela Saúde do Idoso, Elisabeth Toledo, são apenas 30 vagas e os interessados devem ligar para o telefone 3315-2386 para efetuar a inscrição.

Elisabeth lembrou que a notificação de violência contra a criança, adolescente, mulher e idoso é compulsória. “Alertamos para a notificação porque observamos um grande número de pessoas que têm sofrido violência, no entanto, a notificação é muito baixa e ainda há municípios silenciosos quanto ao registro desses casos”, contou a técnica da Sesau.

“Precisamos identificar os tipos de violência que têm ocorrido e também mostrar ao profissional da Equipe de Saúde da Família como ele deve agir ao identificar algum caso de violência nas residências”, complementou Elisabeth. Por outro lado, o trabalho de incentivo à cultura de paz é determinante desde sua execução na escola até aos vários outros tipos de ação educativa para criar o “espírito da paz”.

Texto de Danielle Cândido

Acesse no site de origem: Sesau alerta sobre a notificação compulsória em casos de violência (Gov/Alagoas – 07/04/2016)