Subprocuradora-geral da República defende a tipificação do feminicídio (ONU Mulheres – 07/08/2014)

Confira a mensagem da subprocuradora-geral da República Ela Wiecko,  em entrevista para a ONU Mulheres, sobre a inclusão do feminicídio no Código Penal Brasileiro. “No debate sobre feminicídio, é importante a participação de pessoas que trabalham no sistema de justiça, no sistema de segurança pública, porque nós vemos que dentro do sistema de justiça há uma mentalidade muito conservadora. Há uma interpretação muito enviesada e muito sexista. A teoria do direito é na base androcêntrica. Então, essa incorporação ela é muito importante, porque no debate questões práticas vêm à tona. Então podemos buscar soluções”, destaca a subprocuradora-geral.