“Você é louca”, escreveu Parisotto para Luiza Brunet, em 2014 (CLAUDIA – 18/11/2016)

Desacreditar a vítima é uma das estratégias mais comuns da defesa de homens que cometem violência contra a mulher Claro. Não existe uma maneira mais
Leia mais…