Mapa da Violencia 2013

Rádios do Paraná vão transmitir mensagens contra violência doméstica (Gov/PR – 19/11/2015)

A vice-governadora do Paraná, Cida Borghetti, anunciou nesta quarta-feira (19) que mais de 300 rádios do Paraná vão transmitir diariamente mensagens institucionais sobre a violência
Leia mais…

Governador do ES sanciona lei que obriga estabelecimentos a divulgarem o disque-denúncia da violência contra a mulher (Século Diário/ES – 21/04/2014)

Estado é líder nacional em homicídios de mulheres, muitos deles cometidos em decorrência da violência doméstica O governador Renato Casagrande sancionou a Lei Estadual 10.209/14,
Leia mais…

‘Mulher, Viver sem Violência’ chega ao Amazonas, nesta 4ª feira, para levar mais serviços públicos a brasileiras da floresta (SPM-PR – 28/10/2013)

Estado é a 12ª unidade federativa a formalizar adesão à iniciativa do governo federal, em seguimento a Bahia, Distrito Federal, Espírito Santo, Maranhão, Minas Gerais,
Leia mais…

MPES comemora sete anos da Lei Maria da Penha com capacitação de policiais (MPES – 02/08/2013)

Após sete anos de vigência da Lei Maria da Penha (Lei n.º 11.340 de 07 de agosto de 2006) o Espírito Santo ainda lidera o
Leia mais…

Mapa da Violência 2013 aponta que mulheres jovens foram principais vítimas de homicídios

De 2001 a 2011, o índice de mulheres jovens assassinadas foi superior ao do restante da população feminina. Em 2011, a taxa de homicídios entre
Leia mais…

Em dez anos, homicídios de mulheres aumentam 22% em MS (G1/ Mato Grosso do Sul – 18/07/2013)

Entre 2001 e 2011, o número de homicídios femininos cresceu 22,2% em Mato Grosso do Sul, aponta o “Mapa da Violência 2013: Homicídios e Juventude
Leia mais…

Mapa da Violência 2013 – Espírito Santo registra os níveis mais elevados de vítimas de armas de fogo do sexo feminino, seguido de perto por Alagoas e Paraíba

O relatório Mapa da Violência 2013 – Mortes Matadas por Arma de Fogo, realizado pelo CEBELA (Centro Brasileiro de Estudos Latino-Americanos) e FLACSO (Faculdade Latino-Americana
Leia mais…