TJDFT promove seminário sobre atendimento psicossocial às vítimas de violência sexual (TJDFT – 22/08/2016)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

Na última sexta-feira, 19/8, o TJDFT, por meio do Centro Judiciário da Mulher – CJM, promoveu seminário sobre atendimento psicossocial às vítimas de violência sexual, na Casa da Mulher Brasileira. O evento faz parte da programação da V Semana Justiça pela Paz em Casa, que ocorreu de 15 a 19/8 em todos os Tribunais de Justiça do país e, no DF, vai até esta quinta-feira, 25/8.

Atendimento Psicossocial Na abertura do Seminário, compuseram a mesa de autoridades a Juíza Assistente Luciana Yuki Fugishita Sorrentino, representando o 2º Vice-Presidente do TJDFT, desembargador José Jacinto Costa Carvalho; os juízes coordenadores do CJM, Luciana Lopes Rocha e Carlos Bismarck; a juíza titular da 1ª Vara Criminal de Brasília, Ana Cláudia Loiola de Morais Mendes; a Promotora de Justiça de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher de Taguatinga, Ana Carolina Marquez; a Subdefensora Pública-Geral, Karla Núbia; a Secretária da Secretaria Psicossocial Judiciária do TJDFT – SEPSI, Eliane Resende; a delegada da Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente – DPCA, Isabel Moraes, representando a Subsecretária de Políticas para Mulheres do Governo do Distrito Federal e Coordenadora da Casa da Mulher Brasileira de Brasília, Hyrlla Corrieri; e a presidente da Comissão da Mulher Advogada da OAB/DF, Cristina Tubino.

Na ocasião, a juíza coordenadora do CJM, Luciana Lopes Rocha, a Promotora de Justiça de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher de Taguatinga, Ana Carolina Marquez, a delegada da DPCA, Isabel Moraes, e a subsecretária da SUCRI/SEPSI, Danielle Macedo, palestraram no primeiro painel sobre produção antecipada de provas e oitiva de crianças e adolescentes e violência contra a mulher. Em seguida, a juíza titular da 1ª Vara Criminal de Brasília, Ana Cláudia Loiola de Morais Mendes, a supervisora substituta do Serviço de Assessoramento aos Juízos Criminais – SERAV, Juliana Scafutto, e a psicóloga e servidora do CJM, Regina Nogueira, palestraram no segundo painel sobre a violência contra a mulher e os juízos discriminatórios no processo judicial.

Em virtude da V Semana Nacional Justiça pela Paz em Casa, desde o dia 15/8, além de audiências em parceria com a Defensoria Pública e a OAB/DF, o TJDFT tem promovido diversas atividades de combate e prevenção à violência contra a mulher, como: palestras, seminários, oficinas, capacitações, caminhada pela Paz em Casa, roda de conversa sobre autonomia econômica das mulheres, expansão do Programa Maria da Penha vai à Escola, abertura de novos grupos reflexivos para homens e exibição de documentário, entre outras atividades.

A Semana Justiça pela Paz em Casa foi idealizada pela Ministra do STF Carmen Lúcia, e tem como objetivo promover a cultura da paz nos lares brasileiros e coibir a violência contra a mulher.

Para conferir a programação do DF, clique aqui.

Acesse no site de origem: TJDFT promove seminário sobre atendimento psicossocial às vítimas de violência sexual (TJDFT – 22/08/2016)