TJDFT realiza primeiro encontro da rede de enfrentamento à violência doméstica do Guará (TJDFT – 16/05/2016)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

O TJDFT, por meio do Juizado Especial Criminal e de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher do Guará, realizou na tarde desta segunda-feira, 16/5, o primeiro encontro da Rede de Enfrentamento à Violência Doméstica contra a Mulher daquela Região Administrativa. O evento contou com a parceria das promotorias de Justiça Especial Criminal e de Defesa da Mulher em Situação de Violência doméstica do MPDFT e aconteceu no Plenário do Tribunal do Júri do Guará, das 14h às 18h.

Encontro da Rede de Enfrentamento à Violência Doméstica do Guará O objetivo do encontro foi de apresentar os integrantes da rede que vai atuar naquela Circunscrição Judiciária, cujo fórum foi instalado em 2015. Participaram do encontro representantes de várias instituições do Guará e do DF: Defensoria Pública, Ministério Público, Subsecretaria das Mulheres, Polícia, Militar (PROVID), Policia Civil, Regional de Ensino, Conselho Tutelar, CRAS, CREA, CJM, Casa da Mulher Brasileira, Pró Vítima, NAFAVD, além de membros da comunidade.

A programação contou com palestras da diretora do Fórum e titular do Juizado, juíza Zoni de Siqueira Ferreira, que fez uma breve explanação sobre o atendimento às vítimas de violência, os serviços oferecidos, as dificuldades encontradas e a atuação da Justiça na Rede de Enfrentamento. Palestraram também as promotoras de Justiça Adriana Sette e Andrea Bernardes, que discorreram sobre infrações penais e questões afetas à Lei 11.340/2006, com debates dos tópicos entre os participantes. Para finalizar, a magistrada falou sobre os trâmites processuais da Lei da Maria da Penha no Guará e destacou a importância de articulação da Rede para unir forças no combate ao problema da violência contra a mulher no Guará.

O próximo Encontro da Rede acontecerá no dia 5/7, no CRAS Guará.

Acesse no site de origem: TJDFT realiza primeiro encontro da rede de enfrentamento à violência doméstica do Guará (TJDFT – 16/05/2016)