TJSE inicia 4ª Semana Nacional pela Paz em Casa (TJSE – 07/03/2016)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

O Tribunal de Justiça de Sergipe (TJSE), através da Coordenadoria da Mulher, deu início, nesta segunda-feira, 07.03, no Juizado de Violência Doméstica, no Fórum Gumersindo Bessa, às atividades da 4ª Semana Nacional pela Paz em Casa. Na oportunidade, estão sendo realizadas as Audiências Concentradas e a disponibilização de orientação profissional, elaboração de currículos, maquiagem e informações sobre saúde bucal para as mulheres vítimas, em parceria com a Fundat e o Sesc/Senac.

Leia também: Semana da Justiça pela Paz em Casa começa segunda-feira: conheça a programação! (TJSE – 03/03/2016)

Segundo A.C, vítima de violência doméstica, que participou de uma das audiências concentradas, é muito importante conscientizar as pessoas sobre o abuso contra as mulheres. “É positivo e muito bom as campanhas que visem evitar que as mulheres sofram agressões. Nós não nascemos para viver apanhando, nem sofrer violência de tipo algum”, comentou emocionada.

Para a Juíza Coordenadora da Mulher, Isabela Sampaio Alves Santana, as Semanas Nacionais pela Paz em Casa têm dois focos. “O primeiro é a priorização na tramitação, julgamento e realização de Júris dos processos que envolvem violência doméstica contra a mulher. Em todas as Comarcas do Estado estão sendo acelerados e priorizados processos desta natureza. Além disso, o outro foco é o diálogo com a sociedade civil, através de ações institucionais como debates, palestras, distribuição de material informativo e apresentação de teatro na rua”, explicou a magistrada.

A juíza destacou também, que no encerramento da Semana, será realizado um encontro com os órgãos que fazem parte do sistema de garantias com o tema “Tecendo a rede, construindo laços para o enfrentamento à Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher”. “Participarão do encontro a Secretaria de Segurança Pública, o Ministério Público, a Secretaria de Inclusão Social, a OAB. A Coordenadoria apresentará um balanço das suas atividades e projetos e será oportunizado que todas as instituições mostrem também as suas ações com o objetivo de traçar uma estratégia conjunta, cumprindo assim a razão de ser da Coordenadoria da Mulher, que é o de abrir caminhos e dialogar com todas as instituições na busca da prevenção e do combate à violência contra a mulher”, concluiu Dra. Isabela Santana.

Acesse no site de origem: TJSE inicia 4ª Semana Nacional pela Paz em Casa (TJSE – 07/03/2016)