TRT-RS distribui cartilhas sobre violência contra mulher para trabalhadoras terceirizadas (TRT-4 – 27/04/2016)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someone

O Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região (TRT-RS) distribuiu as cartilhas “Nós Podemos Enfrentar a Violência” para as trabalhadoras terceirizadas do Foro Trabalhista de Porto Alegre e do Prédio-Sede do Tribunal. A ação integra o Projeto Igualdade de Gênero, e o material traz informações sobre as formas de violência contra a mulher, os meios para identificar o agressor, as medidas protetivas asseguradas e os serviços de atendimento disponíveis para as vítimas.

ImagemAs cartilhas foram entregues nos dias 14 e 22 de abril, pela juíza auxiliar da Presidência, Andrea Nocchi, e pela servidora Ana Naiara Malavolta (militante feminista e ativista dos direitos humanos). Durante as visitas, também foram informados os canais disponibilizados pelo TRT-RS para o acolhimento e encaminhamento de denúncias de violência contra a mulher: Ouvidoria, Coordenadoria de Saúde, e equipe de servidores envolvidos com o Projeto Igualdade de Gênero. “Em 2015, tivemos o conhecimento de dez denúncias de violência doméstica contra colegas da Justiça do Trabalho gaúcha. Este ano já foram recebidas três denúncias, e em dois casos as vítimas são trabalhadoras terceirizadas. Nessas visitas, deixamos claro que o Projeto Igualdade de Gênero se destina às juízas, servidoras e terceirizadas, porque todas podem ser alvo de violência”, explica a servidora Ana Malavolta.

O Projeto Igualdade de Gênero do TRT-RS, lançado no dia 9 de março, visa promover a igualdade entre homens e mulheres na sociedade e combater a violência contra o sexo feminino. No dia 19 de abril, o Tribunal aderiu também ao programa Pró-Equidade de Gênero e Raça, promovido pela Secretaria de Políticas para as Mulheres, da Presidência da República.

Acesse no site de origem: TRT-RS distribui cartilhas sobre violência contra mulher para trabalhadoras terceirizadas (TRT-4 – 27/04/2016)