Violência de gênero é tema de palestra no Fórum João Mendes Júnior (TJSP – 04/06/2017)

Participaram do evento servidores da Capital e Interior.

A Coordenadoria Estadual da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar do Poder Judiciário do Estado de São Paulo (Comesp) realizou sexta-feira (2), em parceria com Escola Judicial dos Servidores (EJUS), a palestra “Elementos da Violência de Gênero, Doméstica e Familiar contra a Mulher”, ministrada pela professora Wânia Pasinato. O evento, voltado a funcionários, ocorreu na Sala do Servidor do Fórum João Mendes Júnior.

A vice-coordenadora da Comesp, desembargadora Maria de Lourdes Rachid Vaz de Almeida, deu início aos trabalhos e agradeceu a presença de todos. “Tenho a certeza de que essa palestra será muito proveitosa e produtiva para todos nós, pois a doutora Wânia Pasinato encara o problema de uma forma muito objetiva e concreta”, afirmou.

A juíza Teresa Cristina Cabral Santana, integrante da Comesp, fez a apresentação da convidada e enfatizou a tentativa da Coordenadoria de “sensibilizar e lançar um olhar diferenciado para a questão da violência de gênero, doméstica e familiar contra a mulher”.

Socióloga, com títulos de mestrado e doutorado em Sociologia pela Universidade de São Paulo (USP) e pós-doutorado pela Unicamp, Wânia Pasinato fez um balanço dos percursos históricos da violência contra mulher e iniciou a palestra afirmando que o tema é um problema concreto e cada dia mais próximo da realidade de todos. “Estamos em contato com esse tema de uma maneira muito próxima e temos muito o que fazer para, de fato, avançarmos no seu enfrentamento”, disse.

Segundo a especialista, a violência contra a mulher é a violência contra tudo que represente o feminino – em ser mulher ou identificada como mulher – e está presente na vida das mulheres de diferentes formas. “O espaço doméstico concentra uma parcela importante da violência contra mulher, mas não só, essa violência está presente também em outras esferas da sociedade e em outras relações.”

A convidada prosseguiu apresentando os avanços conquistados ao longo dos anos, principalmente com a promulgação da Lei Maria da Penha, que coíbe a violência física, sexual, patrimonial, psicológica e moral, mas ressaltou que ainda há muitos desafios e fissuras nas estruturas da sociedade e das instituições. “Estamos no caminho certo para a mudança e para a construção de uma sociedade mais igualitária e, quem sabe, um dia, sem nenhuma forma de violência contra as mulheres”, concluiu.

Ao final da palestra – acompanhada por 72 servidores no Fórum João Mendes Júnior e transmitida para outros 303 nas regionais e interior do Estado –, os participantes esclareceram dúvidas com a especialista. A juíza da 1ª Vara do Júri da Capital, Renata Mahalem da Silva Teles, fez a entrega do certificado à convidada.

Acesse no site de origem: Violência de gênero é tema de palestra no Fórum João Mendes Júnior (TJSP – 04/06/2017)